Por que a maternidade pode ajudar a desenvolver mais a sua intuição

Ser mãe é uma oportunidade contínua para o autoconhecimento

Por mais que a gente se prepare, leia muito e sonhe, ser mãe é uma experiência única que só descobrimos como é de verdade na prática. Mais do que isso, é algo que nos desafia a aprender algo novo diariamente. Há momentos em que nos sentimos como super-heroínas, capazes de resolver qualquer problema e salvar o dia. Em outros, a exaustão toma conta, dando oportunidade para que a nossa crítica interior apareça para julgar cada decisão que tomamos. É inegável, entretanto, que a maternidade é uma oportunidade contínua para o autoconhecimento e o fortalecimento da intuição.

Instintos apurados

Um exemplo disso é que quando nos tornamos mães passamos a ficar mais atentas a tudo. Ao mesmo tempo em que nossos instintos de proteção ficam mais apurados, também ficamos mais conscientes de nossos atos, afinal, os pequenos estão observando tudo.

Sabe aquele dia em que você perdeu a paciência e gritou com um atendente por conta de uma besteira? Ou quando ajudou um idoso a carregar uma sacola pesada? Cada ação é observada e absorvida por eles como um aprendizado, que também se refletirá na forma como eles tratam os outros.

Estar atenta e ser mais mais gentil com você mesma e com os outros ensina as crianças a fazerem o mesmo e ainda fortalece nossa inteligência intuitiva.

Essa atenção nossa para com o mundo também nos permite reconhecer sinais e perceber as mensagens enviadas por nosso corpo, mente e coração, e que nos ajudam a tomar decisões e agir. Na prática, é saber o que significa cada choro do nosso bebê ou entender quando nossos filhos não estão bem apenas de olhar para eles, e conseguir usar essa sensibilidade em outros momentos da nossa vida.

Autoconhecimento

Brincar com nossos filhos nos ensinam lições importantes sobre nós mesmas. Uma delas é voltar a olhar o mundo com curiosidade, criatividade e empatia. Para os pequenos, tudo é novidade, uma chance de experimentar e descobrir se gostam ou não de algo, sem obrigações ou julgamentos.

Vale deixar que eles nos guiem por seus universos de faz de conta, que eles contem seus sonhos e medos. Ao enxergarmos o mundo pelos olhos das crianças, exercitamos a empatia, uma importante característica em pessoas que têm intuição forte.

Amor incondicional

Apesar de ser uma expressão frequentemente utilizada para definir a conexão entre uma mãe e seus filhos, o amor incondicional também pode e deve ser aplicado a nós mesmas. E isso significa nos livrar de pensamentos negativos sobre nós mesmas e calar nossa autocrítica quando cometemos um erro. Por que não dispensar a nós mesmas o tratamento que damos aos nossos filhos, que também ainda estão aprendendo? O amor incondicional é a base para para se construir a confiança. E é a confiança que alimenta o otimismo, que nos ajuda a ver o lado bom das coisas e a seguir em frente quando as coisas parecem ruins.

Forte senso de propósito

Uma das principais lições que aprendemos sobre nós mesmas quando nos tornamos mães está ligada ao senso de propósito. Mesmo que não saibamos ao certo a motivação por trás de algumas de nossas decisões, escutamos, confiamos e seguimos nossa intuição, pois acreditamos que há uma razão por trás de cada desafio. Afinal, a gente aprende que ser mãe é seguir o coração. Mais do que isso, é usar essa experiência como uma oportunidade para transformar nossas vidas.

Leia Também

Venha apoiar uma às outras:

Junte-se às mulheres que fazem acontecer

Produtos com o ativo